VIAJE NESSA DICA: ID JOVEM

Tempo de leitura: 3 minutos

Viajar faz parte dos sonhos e planos de muitas pessoas, pois representa a vontade de conhecer, explorar e aventurar-se por locais desconhecidos. Quem viaja expande horizontes, conhece pessoas, amplia laços afetivos, constrói memórias e de quebra amplia o repertório cultural…

Mas quanto custa viajar? Se você tem de 15 a 29 anos sua passagem pode sair de graça. Confira as regras!

Jovens de 15 a 29, com renda de até dois salários mínimos, podem viajar de graça  no transporte rodoviário e ferroviário interestadual. O direito, previsto pelo Estatuto da Juventude (lei nº 12.852/2013, decreto nº 8.537/2015), foi regulamentado em 2016 pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres).

 

A decisão estabelece que às prestadoras dos serviços deverão reservar, duas vagas gratuitas e duas vagas com desconto mínimo de 50% em cada veículo ou comboio ferroviário de transporte interestadual. Mas fique atento, o benefício NÃO cobre :

 

  • Tarifas de pedágio;
  • Utilização dos terminais;
  • Despesas com alimentação e estadia;
  • Ou quaisquer outros gastos.

 

O que fazer para ter direito ao benefício?

 

Para ter direito ao benefício é necessário ter entre 15 e 29 anos, renda mensal de até dois salários mínimos, esses são requisitos básicos. Se você se enquadra nesse perfil o passo seguinte será realizar o cadastro no programa Id Jovem.

 

O que é o Id Jovem?

O Identidade Jovem (ID) é uma espécie de cartão social, fornecido pela Secretaria Nacional da Juventude, ele é destinado a jovens de baixa renda, e serve para que certos brasileiros tenham descontos em eventos culturais, gratuidade nas inscrições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e em viagens interestaduais.

Depois de conhecer todos esses benefícios você deve estar se perguntando como ter acesso a tudo isso? A resposta vem logo abaixo.

 

Como viajar de graça e ter acesso a inúmeros benefícios?

 

Para começar é preciso ter em mãos o Número de Identificação Social (NIS), que pode ser encontrado impresso no Cartão Cidadão, no extrato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ou na Carteira de Trabalho. Quem não conseguir localizar o seu NIS, pode solicitar mais informações em agências da Caixa Econômica Federal.

 

Após localizar o número dos NIS, acesse o site da ID Jovem, preencha o formulário para o cartão Identidade Jovem, quem preferir pode realizar o cadastro através do aplicativo “ID Jovem” (disponível para Android e IOS) e usufruir dos benefícios.

Para preencher o cadastro será preciso fornecer os seguintes dados:

  • O nome completo da mãe;
  • Uma foto com resolução mediana;
  • Dados de contato;
  • Número NIS.

Mas atenção! Para realizar a sua tão sonhada viagem, NÃO é necessário imprimir o ID Jovem, basta apresentar a imagem do cartão na tela do celular no momento da aquisição da passagem, acompanhada de documento original com foto.

 

Antes de arrumar as malas, lembre-se, de solicitar suas passagens, com pelo menos, três horas de antecedência. Pois como já mencionamos os assentos reservados para o programa Id Jovem são limitados.

Escolha o seu destino, porque viajar é preciso!

Se este post te ajudou compartilhe-o com aquele seu amigo que adora viajar! 🙂

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *